Mitos sobre franquias que você acreditava que eram verdade

Mitos sobre franquias que você acreditava que eram verdade

Quando o assunto é negócios em geral, é comum que quem pensa em investir em uma área tenha dúvidas e ouça a opinião de quem conhece – ou pensa que conhece – sobre o assunto.

Desde o ano de 2014, quando a KNN Idiomas transformou seu modelo de negócios em franquia, notamos que algumas FALSAS impressões sobre o sistema de franchising eram muito frequentes entre os nossos futuros franqueados. 

Ao certo, não podemos definir como essas falsas impressões surgiram ou como elas se disseminam. Entretanto, podemos afirmar: muito daquilo que se apresenta como “senso comum” do negócio de franquias não é bem verdade.  

A partir de uma pesquisa minuciosa em nosso histórico, listamos para você as 5 mentiras mais comuns sobre a relação franqueadora-franqueado para acabar de vez com falsas impressões e criar uma imagem mais real do que é necessário para se dar bem em qualquer modelo de franquia. Confira:

1. As melhores franquias estão bem localizadas 

Ter uma localização privilegiada pode, de fato, ajudar um negócio a ter sucesso – especialmente em relação a restaurantes e varejo. Apesar das vantagens, a KNN Idiomas costuma destacar que locais com mais exposição nem sempre são acessíveis: a maior parte dos lucros pode estar sendo gasto com   o pagamento do aluguel do ponto, por exemplo.

Para um modelo de negócios bem sucedido, a geografia deve ser sim levada em questão, mas não tanto quanto outras características, que estão mais sob o controle do empreendedor.

Um franqueado de sucesso deve saber como superar uma localização não tão privilegiada do ponto de um negócio. A compensação da falta de pedestres nas ruas, por exemplo, pode ser realizada com um bom gerenciamento, um atendimento de alta qualidade ou uma campanha de marketing mais assertiva, por exemplo.

 2. Para ser um franqueado de sucesso é preciso ser um WORKAHOLIC

Quem nunca ouviu que “para se ter dinheiro, é preciso trabalhar 24 horas por dia” ou coisas do gênero? Porém, de acordo com nossas observações, a fantasia do vício no trabalho não é verdadeira.

O trabalho duro, claro, é muito importante, mas não é exatamente segredo para o sucesso. É, na verdade, um pré-requisito. “Os melhores franqueados que conheço trabalham duro, mas, mais do que isso, eles trabalham de maneira inteligente”, afirma Paulo Bubola, diretor de expansão da KNN Idiomas.

Bons franqueados, segundo Paulo, trabalham duro na transformação de seus funcionários em grandes líderes, para que nem tudo dependa da sua presença: “Além disso, a melhor maneira de ganhar dinheiro é fazer com que quem está com você ganhe também”, considera.

Estratégias como essa proporcionam mais qualidade de vida ao empreendedor, equilibrando sua vida pessoal com a profissional.

3. O franqueado para ter sucesso precisa ter ESTUDADO MUITO NA VIDA

Grandes líderes, empresários de sucesso ou chefes de multinacionais nunca tiveram um diploma de ensino superior na vida, e isso não tem problema nenhum. Muitos de nossos franqueados que possuem centenas de alunos e faturam mais de 50 mil reais por mês nunca estudaram formalmente em uma universidade.

Alguns empresários que criaram franquias de sucesso nunca nem frequentaram o ensino superior antes de se tornaram milionários: é o caso de Dave Thomas, criador da rede de fast-food norteamericana Wendy’s.

De acordo com Nathalia Bervian, consultora de negócios da KNN Idiomas,  o ensino superior é importante pois proporciona uma melhor compreensão do mundo, mas que ele não é um pré-requisito para saber administrar um negócio. 

“Para se obter sucesso na franchising, o que o franqueado aprendeu na escola é menos importante do que o que ele ainda deseja aprender com a empresa franqueadora, seus funcionários e seus clientes. A maior vantagem de se investir em uma franquia é trilhar um caminho que já foi desmatado”, afirma a consultora.

4. Experiência com negócios é um pré-requisito.

É comum que maioria dos profissionais que ingressam no mercado de trabalho optem por ser funcionários pela questão de conquistar uma carreira consolidada. Entretanto, ter um emprego – mesmo que considerado promissor – não é a mesma coisa que ter seu próprio negócio.

Rodrigo Maestrelli, gerente de expansão da franquia KNN Idiomas, diz que é comum ver muitos profissionais que já têm experiência prévia não estarem interessados em inovar ou encarar novos desafios, mas quando decidem se aventurar no ramo de franquias, o resultado é além do que esperavam.

Eles passam a confiar nos sistemas já comprovados pelos franqueadores e trabalham para executá-los da melhor maneira possível, de acordo com o suporte e atendimento prestado pelo sistema de franchising.

Por outro lado, Rodrigo lembra que existem muitas habilidades práticas que podem ser reutilizadas, como as de marketing, contabilidade e gestão de pessoas. “Tais conhecimentos podem ser úteis, desde que o empreendedor ainda seja capaz de adotar o modelo de negócio no qual você investiu ao adquirir a franquia”, conclui.

5.  Paixão pelo segmento é o segredo do SUCESSO

O senso comum sempre diz: “trabalhe com algo que você realmente goste e você nunca precisará trabalhar na vida”. O ditado pode até ser verdade em partes, mas sofre variações.

No caso do modelo de negócios de escolas, por exemplo, muitos de nossos franqueados AMAM o segmento de educação, e isso é maravilhoso. A paixão pelo ensino e a relação aluno-professor torna-se um fator motivador para o investimento em uma escola própria.

Já outros franqueados, que vem de outras áreas que não necessariamente são do universo da educação, também se sentem motivados, sem possuir a tal “paixão.

“Os franqueados de sucesso não precisam necessariamente amar o segmento, mas todos precisam amar algum aspecto dentro do modelo de negócio, seja ele o faturamento, o padrão estético, o público-alvo ou outras características”, finaliza o diretor de expansão da KNN.  

LEIA TAMBÉM:
Como funciona o suporte pedagógico da KNN?
Captando mais alunos para sua escola de idiomas
Somente nos últimos 3 meses, KNN projetou mais de 130 escolas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.