Franqueados de Cafelândia (PR) contam como foi inaugurar sua escola em plena pandemia: ‘A franchising nos salvou! ’

3 minutos para ler

Atualmente com 300 alunos matriculados, o trio de sócios não acreditava que fosse possível sair da crise ilesos.

Cafelândia é um município de aproximadamente 18 mil habitantes, localizado na região de Cascavel, oeste do estado do Paraná – e também lar dos franqueados Thais Alonso, Lidiane Rodrigues e José Plínio Silva Netto.

Na sua fase profissional pré-KNN, José chegou a morar quatro meses nos Estados Unidos e também ingressou na área da advocacia, porém se decepcionou. “Achei que iria ficar rico com o direito”, diz ele.

Com o objetivo de aproveitar o que tinha aprendido em sua experiência em terras norte-americanas, o jovem que atualmente se encontra com 28 anos quis mudar totalmente o rumo da sua trajetória.

Ao voltar para a cidade de Maringá (PR), aceitou o emprego de teacher da KNN conheceu sua esposa, Thais, que começou a trabalhar na escola como consultora comercial. Juntamente com a amiga Lidiane Rodrigues, que trabalhava como gerente geral na unidade da franqueada Franciele Becker, tiveram a ideia de abrir a sua própria escola. 

Foi durante a convenção KNN do ano de 2019 (Changing Lives Convention) que o trio de amigos tiveram certeza que esse seria o seu destino daqui pra frente. Após a assinatura do contrato de franquia, o sonho começou a tomar forma e a cidade de Cafelândia foi escolhida para o empreendimento.

14 de março foi o dia de inauguração da escola. Entretanto, os três sócios não contavam que a pandemia do novo coronavírus iria paralisar seus trabalhos. “Tivemos que interromper nossa inauguração que mal tinha começado para fechar as portas devido à pandemia e dispensar todos os funcionários que tínhamos recém contratado”, relata Lidiane.

Com esperança de poderem retomar às suas atividades, os empreendedores prometeram recontratar todos assim que fosse possível, caso eles estivem ainda disponíveis.

Dito e feito: dia 13 de maio a KNN de Cafelândia retomou suas atividades, respeitando as normas de distanciamento e recontratou todos os seus colaboradores, como haviam prometido. Durante os trinta dias de inauguração, os franqueados conquistaram 100 alunos para escola.

“Gostaria de aproveitar a oportunidade para agradecer a todos os colaboradores da franquia que nos ajudaram naquele momento (de inauguração). Sem o apoio e o suporte de vocês, não teríamos saído dessa! ”, afirma Afirma Plínio. 

Hoje com 300 estudantes matriculados em sua escola, a KNN de Cafelândia (PR) está localizada Avenida Governador Moisés Lupion, número 410.

LEIA TAMBÉM:

Fernanda Dias: a franqueada mais ‘Live The Road’ que você vai conhecer

Atualmente com 300 matrículas, franqueado da KNN de Passa-Quatro (MG) relembra começo difícil: ‘era tudo ou nada! ’

Diretor de expansão da KNN Brasil fala sobre futuro da franquia, crescimento na pandemia e a concorrência

Posts relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.