Diferença entre Franquias e Filiais

Diferença entre Franquias e Filiais

Seja filial ou franquia, começar a empreender com um modelo já estabelecido no mercado pode ser muito atraente, pois você aumenta drasticamente suas chances de sucesso e ainda conta com o suporte de uma empresa matriz.

Talvez já tenha considerado essas opções para abrir seu negócio, mas você sabe quais as diferenças entre elas? Descubra agora qual o modelo ideal para o seu empreendimento.

O que é uma franquia?

Franquia é um método de distribuição de produtos ou serviços. Os envolvidos em um sistema de franquia são:

  • o franqueador, que estabelece a marca comercial e um sistema de operação;
  • o franqueado, que paga pelo direito de fazer negócios com o nome e o sistema do franqueador.

Em uma franquia de formato comercial, o franqueador fornece ao franqueado não apenas seu nome comercial, produtos e serviços, mas um sistema inteiro para operar os negócios. O franqueado geralmente recebe suporte para seleção de pessoas, manuais operacionais, treinamentos, padrões de marca, controle de qualidade, estratégia de marketing e suporte consultivo de negócios.

O que é uma filial?

A filial é um local onde uma parcela da operação da empresa é conduzida. A maioria das filiais consiste em divisões menores de diferentes aspectos da empresa, como recursos humanos, marketing e contabilidade. Normalmente, uma filial terá um gerente que se reportará diretamente ao escritório principal.

As filiais são úteis para expandir a atuação da empresa e, ao mesmo tempo, reduzir os custos de logística. O Magazine Luiza, por exemplo, opta pelo sistema de filiais para se aproximar do cliente. Sendo assim, você não pode abrir uma filial por conta própria, a operação e todos os funcionários são administrados pela empresa matriz.

Diferença entre filiais e franquias

Como vimos acima, filial e franquia são dois conceitos diferentes. A filial é administrada pela própria empresa, e a franquia é administrada por terceiros em nome da empresa. Veja os principais pontos de diferenciação a seguir.

Operação

A operação de filiais é realizada pela própria empresa. Na franquia, a operação é realizada por terceiros, no entanto, o franqueado usa a marca, os métodos e a operação do franqueador.

Investimento

Nas filiais, o investimento é realizado pela matriz. Em franquias, o investimento é realizado pelo franqueado.

Recursos humanos

Nas filiais, os funcionários estão na folha de pagamento da matriz, em caso de franquia, os custos dos funcionários nascem pelo franqueado.

Participação nos lucros

No sistema de filiais, não há participação nos lucros, pois a operação é conduzida pela própria empresa. No acordo de franquia, parte do lucro é compartilhada.

Qualidade

Nas filiais, a qualidade dos produtos/serviços é controlada diretamente pela matriz, enquanto no sistema de franquias, a qualidade é mantida através do monitoramento e, caso a qualidade não seja mantida, o franqueado pode ser desligado da operação.

Por fim, podemos resolver a dúvida de “filial ou franquia”. A filial não é uma opção para quem deseja iniciar o próprio negócio, nesse caso, você é contratado e responde diretamente à empresa matriz.

Para alguns empresários, a propriedade da franquia pode fornecer o veículo perfeito para alcançar o sucesso financeiro, enquanto desfruta do apoio de uma organização estabelecida e dos recursos que ela comanda.

Esse conteúdo te ajudou de alguma forma? Gostaria de receber mais dicas práticas em seu e-mail? Assine agora nossa newsletter!

CONHEÇA A KNN: Franquia de idiomas que mais cresce no Brasil!

Atualmente somos uma das quatro maiores redes de idiomas de todo o Brasil, com mais de 500 escolas por todas as regiões e 160 mil alunos.

Método único, exclusivo para quem fala português

Para crescer como crescemos, o primeiro requisito é ter um produto realmente muito bom. Nosso método é único e foi desenvolvido especialmente para falantes da língua portuguesa. Aceleramos o que é naturalmente fácil para o brasieiro e simplificamos o que costuma ser difícil, trabalhando conversação desde a primeira aula. Desta forma o aluno evolui rápido e demonstra um alto grau de satisfação já nos primeiros dias.

Sem cobrança de royalties

Em nosso modelo de negócio o franqueado fica com 100% do valor das mensalidades dos seus alunos, sem letras miúdas ou taxas escondidas. O negócio é bem simples e claro: o aluno paga a mensalidade para o franqueado e compra o material didático da KNN Brasil.

Processo comercial sem igual

A gente não espera o cliente bater na porta e isso é o que nos difere da multidão. Aqui o comercial é tratado como ciência, com estratégias criadas e testadas para angariar clientes em praticamente qualquer lugar, em todos os tipos de cidade, através de ações on-line e off-line extremamente efetivas.

Retorno rápido do investimento

Nossa característica comercial propicia que novos franqueados atinjam o ponto de equilíbrio e obtenham retorno do investimento em um tempo inferior à média do mercado. O prazo médio estimado para ponto de equilíbrio é de até 6 meses, atingindo retorno do investimento num prazo que pode variar entre 12 e 18 meses.

Quer saber mais?

Entre em contato com a gente e tire todas as suas dúvidas!

LEIA TAMBÉM:
Posicionamento de Marca: Como isso pode fazer diferença em sua Franquia?
Afinal, como calcular o retorno financeiro de uma franquia?
6 Dicas para não cair em ciladas no segmento de franquias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.