6 Dicas para Evitar Erros ao Abrir uma Empresa

7 minutos para ler

Todo mundo comete erros, e não é diferente para os empresários que querem abrir uma empresa. Pequenos erros são inevitáveis, mas o acúmulo deles pode gerar consequências desastrosas.

Felizmente, inúmeros empreendedores já percorreram esse caminho e podem nos ensinar boas práticas de negócios. Um dono de empresa experiente sabe que é sempre mais barato aprender com os erros de outras pessoas. Aproveite essas dicas para aprimorar seu planejamento e evitar obstáculos comuns. Descubra abaixo!

Dicas para seu novo negócio

Talvez você já saiba disso, mas é importante reforçar que o valor de uma ideia é muito próximo a zero. Uma ideia fantástica com uma execução fraca é o caminho mais rápido para fechar seu CNPJ. Por outro lado, se você tiver uma ideia de negócio mediana, mas uma execução impecável, é muito provável que você crie uma empresa fantástica.

Como empreendedor, você deve avaliar e entender a verdadeira demanda por seu produto/serviço antes de levar a ideia adiante. Subestimar os custos, apelar para o público-alvo errado ou medir mal a demanda, pode encerrar o seu negócio antes mesmo de começar.

A impaciência pode ser sua pior inimiga. Novos empresários geralmente esperam ganhar dinheiro imediatamente. Na realidade, leva tempo para divulgar a marca e ainda obter lucro em um novo negócio. Até que sua empresa atinja um ponto de equilíbrio, você precisa de dinheiro em caixa para cobrir os custos e suas despesas pessoais.

No começo, os pequenos marcos são mais importantes. Considere o prazo para os primeiros lucros, as taxas de reinvestimento e novas contratações ao estabelecer metas iniciais. Com boas estimativas de custos e sólida pesquisa de mercado, você pode definir metas realistas para elevar suas chances de sucesso.

6 erros comuns ao abrir uma empresa

Você pode dormir mais tranquilo se evitar os seguintes erros em sua nova empresa. 

1. Subestimar o poder do marketing

Inúmeros empresários têm um ótimo produto/serviço, mas não separam um orçamento relevante para o marketing, uma falha muitas vezes fatal. Uma solução raramente possui o benefício do marketing boca a boca, você precisa divulgar sua marca com frequência. Afinal, as pessoas não podem comprar o que não sabem.

Mas quanto do orçamento você deve alocar para o marketing? Isso depende de vários fatores como sua margem de lucro, concorrência do mercado, custos fixos e variáveis, etc. Para novas empresas, o esforço de venda normalmente é maior, e os investimentos com marketing podem chegar a 10% do faturamento ou mais.

É importante lembrar que o marketing não é um “custo esporádico”, ele faz parte das suas despesas mensais. Considere isso em seu planejamento.

2. Dominar apenas a parte técnica

Um grande erro que os empreendedores cometem é acreditar que, por serem especialistas, eles têm tudo que é necessário para administrar seus próprios negócios. Dominar o lado técnico da operação é o primeiro passo, mas uma empresa demanda muitas outras habilidades.

Vendas, construção de marca, finanças, gestão de pessoas e marketing são alguns requisitos. O excesso de confiança pode atrapalhar muito. Aceite ajuda ou contrate outras pessoas para economizar tempo e dinheiro.

3. Não aceitar as mudanças

A vida nunca corre como planejado. O mesmo acontece nos negócios. Manter o plano original, apesar das mudanças inevitáveis, gera muitos problemas. Você precisa aceitar as mudanças e se adaptar. A cada passo importante em seu negócio, considere o pior cenário possível. Talvez você nunca coloque em prática esse “plano b”, mas, em uma situação extrema, ele pode salvar sua empresa.

4. Flexibilidade excessiva

Os empresários devem confiar em seus instintos. Aceitar muitos conselhos de todos (especialmente os negativos), pode gerar uma crise de identidade da qual a empresa não se recupera. Seja claro sobre o objetivo desde o início, tenha metas e atenha-se à maneira como deseja administrar seus negócios.

5. Más contratações

Contratar na hora errada ou a pessoa errada está entre os erros mais caros que uma empresa pode cometer. Aumentar a equipe cedo demais é jogar dinheiro pela janela, mas contratar uma pessoa não qualificada ou alguém que não se adequa à cultura da empresa pode arruinar sua gestão.

6. Margens pequenas

Definir um preço baixo para seu produto/serviço pode parecer uma boa ideia a princípio, mas essa estratégia não é sustentável a longo prazo. Qual a margem de lucro necessária para manter a operação? Se você não souber a resposta, é provável que você esteja sacrificando o futuro da sua empresa em troca de algumas vendas no curto prazo.

Claro que você pode criar promoções temporárias, mas tenha em mente que essa redução de preços precisa ser recuperada em pouco tempo. Outro problema é que seus clientes podem ficar insatisfeitos com o aumento repentino nos preços. A melhor estratégia é agregar muito valor ao seu produto/serviço e sempre manter os preços compatíveis. Seja reconhecido pela sua qualidade e não pelo seu preço baixo.

Como reduzir riscos e evitar erros?

Preparar o caminho para um novo negócio não é fácil. Mas e se você pudesse ter todos os benefícios de ser um empreendedor com os recursos de uma empresa maior? Abrir uma franquia pode ser o caminho certo para você. Veja algumas vantagens.

Seja seu próprio chefe

O desejo de controlar seu próprio destino, de construir um negócio para si mesmo e um legado para seus filhos, sempre foi um poderoso motivador nos negócios e na vida. A propriedade da franquia combina um senso de independência (dentro dos limites) com um maior nível de segurança.

Trabalho duro é recompensado

Não há nada melhor para o espírito empreendedor do que ser recompensado diretamente por seus esforços. Isso geralmente não é possível na vida corporativa. A liberdade no trabalho pode ser sua própria recompensa, mas é ainda melhor quando a renda reflete diretamente a produção.

Sistema de negócios comprovado

A franquia permite que os empreendedores se conectem a um sistema operacional comprovado e bem-sucedido. O esforço está na administração do negócio (e não na construção de um novo). 

Treinamento e suporte

As marcas querem que os franqueados tenham sucesso. É por isso que o treinamento intensivo está incluído na taxa de franquia. Antes da abertura do negócio, os franqueados são treinados em todas as especificidades da marca. Eles também se beneficiam da instrução em habilidades comerciais, técnicas, financeiras e de gerenciamento.

Nesse modelo, você tem a oportunidade de abrir uma empresa com a ajuda e o suporte de uma empresa maior (que já possui uma operação estabelecida no mercado). É claro que toda operação ainda exige muito trabalho do franqueado, mas para muitos aspirantes a empresários, a franquia é uma opção muito menos arriscada e, ainda assim, recompensadora.

A KNN é uma franquia feita para quebrar a sazonalidade do mercado de idiomas. São geradas uma média de 40 a 60 matrículas o ano todo. Além do suporte vitalício, ferramentas de negócio e divulgação, você recebe treinamento presencial logo após adquirir sua unidade. Quer conhecer outros diferenciais? Entre em contato agora!

Posts relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.